Wednesday, 25 February 2015

Farto de comentários sobre a Grécia

Estou farto de ouvir falar na Grécia, não porque não seja positivo ver os Europeus a preocuparem-se com outro país que não o seu, mas pela forma como decorre o debate.

Por um lado discute-se até há exaustão o problema Grego como se não houvesse outros problemas semelhantes, e porventura mais perigosos, como acontece em relação à situação na Hungria e à sua política energética de total alinhamento com a Rússia. Talvez seja porque lá os radicais são de direita e a nossa comunicação social vive obcecada pela esquerda.


Por outro lado, fala-se demasiado nos Gregos e nos Portugueses, como se estes fossem um todo, em vez de se discutirem as posições políticas dos diferentes partidos nos dois países. Gostaria de ver o Partido Socialista a discutir as críticas do Pasok ao Syriza ou o PSD a apoiar a Nova Democracia numa verdadeira discussão entre famílias políticas Europeias.

Cada um à sua maneira deve querer o bem do povo Grego e apontar os caminhos que são melhores para o seu futuro. Não existem países bons e maus, existem políticas boas e más!

No comments:

Post a Comment